Project Thinking: metodologia inova ao trocar tecnicismo por empatia

Apesar de recorrente no dia a dia das empresas, a gestão de projetos ainda é um tema que deixa qualquer executivo apreensivo devido aos potenciais danos que uma entrega fora do escopo, prazo e orçamento pode causar ao planejamento de negócios. A partir da premissa de que muito dessa variabilidade está relacionada à gestão de pessoas, a Framework (www.frameworkgp.com.br), consultoria no modelo boutique, desenvolveu o Project Thinking, uma metodologia de trabalho que parte do Design Thinking para tornar a área mais humana, produtiva, de fácil assimilação e focada em resultados.

 

Para chegar ao objetivo que propõe, o Project Thinking envolve diversas ferramentas como neurociência aplicada, Canvas e uma atenção especial ao aspecto visual de cada projeto. “Em geral, os gestores têm uma formação muito técnica, e trabalham presos a fórmulas que nem sempre se adéquam a todos os casos”, conta Eduardo Freire, CEO da Framework e criador do método. “A ideia é desconstruir essa receita e criar um caminho que seja capaz de se moldar às especificidades de cada caso e incluir as vontades e desejos de todos os participantes”, explica.

 

Contemplar a todos não significa, porém, abrir mão de metas da empresa. Mas, ao incluir etapas em que os envolvidos no projeto conversem e entendam exatamente qual o objetivo almejado e como se pretende alcançá-lo, o Project Thinking aumenta a identificação da equipe com aquele trabalho, além de eliminar possíveis inconsistências no caminho. “Por isso mesmo insistimos na produção de materiais visuais que explicam o passo-a-passo do que tem sido feito, mesmo para aquelas pessoas que não estão diretamente incluídas nesse estágio”, afirma o consultor.

 

Errar cedo e agir rápido
Outro ponto de destaque da metodologia, segundo seu criador, é o planejamento ágil, que ajuda a “errar cedo e agir rápido”. “Fazemos um trabalho muito prático para ensinar os gestores a lidarem com suas tarefas”, diz ele. Esse foi um dos pontos que fez com que o Project Thinking fosse adotado pelo Grupo Águia Branca, uma das maiores empresas de transporte e logística do Brasil. “As técnicas apresentadas nas dinâmicas do treinamento melhoram a integração entre a equipe e inspiram a busca por soluções alternativas, incisivas e rápidas para problemas variados”, conta Raphael Sbardelotti, gerente de PMO e Inovação no Grupo Águia Branca. “Além disso, propiciou uma relação muito mais próxima com os clientes”.

 

Para Freire, a maleabilidade do Project Thinking faz com que ele não se limite ao ambiente corporativo – o modelo é ideal para diversos campos e já tem sido usado em projetos de educação superior. Além da consultoria, a Framework oferece workshops ao redor de todo o Brasil, tanto em turmas fechadas para companhias quanto abertas para todos os interessados. A expectativa da empresa é dobrar o tamanho da equipe e aumentar o faturamento em 150% até o final de 2017.

Framework

Sobre a Framework
Boutique de consultoria na gestão de projetos. Fundada em 2010, a Framework aposta na inovação para desenvolver novos métodos de gestão de projetos, que permitam atingir resultados melhores por meio de um trabalho mais dinâmico e inclusivo. É a criadora do método Project Thinking, inspirado no Design Thinking, e que inclui elementos da metodologia Canvas, neurociência aplicada e gestão visual.www.frameworkgp.com.br
Release - Press Works

 

Related posts

Leave a Comment