5 franquias que vão “bombar” no final do ano

5 franquias que vão “bombar” no final do ano

Redes de segmentos como vinhos, alimentação, varejo, reformas e educação são boas oportunidades para quem quer empreender

Considerada a melhor época de vendas para os negócios, o fim do ano é ainda mais próspero para alguns segmentos e uma boa oportunidade para quem quer empreender em uma franquia. Os eventos de confraternização, a chegada do verão e as férias são fatores que influenciam no consumo de determinados produtos e serviços e, consequentemente, tornam o período um bom momento. Diante deste cenário, confira cinco franquias que devem “bombar” nos últimos meses deste ano e começo do próximo:

 

D’Vino
Repleta de comemorações – sejam as confraternizações promovidas pelas empresas, formaturas ou as tradicionais reuniões de Natal e Réveillon – essa época é propícia para investir em uma franquia de bebidas, especialmente em eventos, como a D’Vino (www.dvino.net.br), que oferece winebikes itinerantes. “Dezembro é um mês de pico para nós. Geralmente, o faturamento dobra”, diz a fundadora Taíla Teloeken. O estoque das bikes também é adaptado para o momento, com menos vinhos tintos e mais brancos, rosés e espumantes.

5 franquias que vão “bombar” no final do ano

Além das festas, os franqueados podem prestar consultoria para a elaboração de brindes personalizados de empresas. “Como trabalhamos com pequenos produtores de vinhos menos conhecidos no mercado, a lembrança se torna ainda mais única e especial”, aponta o também fundador Paulo Finn. Entre outras vantagens, ele destaca o fornecimento rápido e prático da franqueadora, o baixo custo de manutenção e a ausência da necessidade de energia elétrica pelas bikes.

 

A D’Vino aderiu ao franchising em 2017, já possui unidades localizadas em Porto Alegre, Rio de Janeiro e Recife e deve fechar mais duas ainda este ano. “Muitos querem trabalhar conosco agora para complementar renda, o que pode ser uma boa pedida para o final do ano e para iniciar 2018 a todo vapor”, acrescenta Taíla.

 

Açaí Beat
Investir em uma franquia de alimentação pode ser uma boa oportunidade para aproveitar o verão, principalmente aquelas que estão em sincronia com a estação mais quente, como as redes de sorvete ou açaí. A paulista Açaí Beat, por exemplo, comercializa um mix próprio da fruta amazônica e tem sempre novidades de combinações do creme com frutas e doces. No mercado desde 2011, há 55 unidades da rede espalhadas pelo Brasil em lojas de rua ou quiosques, que oferecem as delícias a preços acessíveis (entre R$ 13 e R$ 16).

 

Bike Station
As férias de final de ano também influenciam no consumo. Em um momento que as pessoas aproveitam para dar uma volta pela cidade ou mesmo andar de bicicleta como esporte, uma franquia como a Bike Station é um bom negócio. A rede de vending machines com serviços e produtos para ciclistas – bomba de encher pneu, ferramentas, snacks e bebidas, entre outros – procura franqueados que já sejam proprietários de estabelecimentos localizados na rota dos triatletas, como postos de gasolina, academias e lanchonetes. Entre as vantagens estão o baixo investimento inicial e a rotina de manutenção descomplicada.

 

Help Home
Para pessoas físicas e empresas, o começo do ano é tempo de pensar em mudanças e novas estratégias para os meses seguintes, como realizar reformas na casa ou no escritório. Por isso, investir em uma rede de manutenção e reparos é uma alternativa interessante. A microfranquia curitibana Help Home, por exemplo, está antenada nas tendências e atende a grandes clientes corporativos nacionais com a facilidade do modelo home office, de baixo investimento.

 

Meu Dever de Casa
Novembro e dezembro também são meses decisivos para os estudantes, que estão na reta final na escola e buscam suporte nos estudos para evitar a recuperação ou visando aumentar a média das notas pela promessa de ganhar um presente mais caprichado do Papai Noel. Por isso, o segmento de educação oferece perspectivas aos interessados, como a Escola de Apoio Meu Dever de Casa, que utiliza técnicas de neuroeducação para otimizar o aprendizado e aposta em um atendimento individualizado. A rede possui três modelos, que começam em R$ 35 mil.

5 franquias que vão “bombar” no final do ano

 

Sobre a D’Vino
Franquia de winebike itinerante que oferece a bebida em eventos, elaboração de cartas de vinho para restaurantes e montagem de adegas particulares. A marca foi lançada pelo casal apaixonado por vinho Taíla Teloeken e Paulo Finn em 2016 e, em 2017, aderiu ao franchising com a chegada da sócia Débora Nazario. Possui duas unidades no Rio Grande do Sul, além da sede, e a meta é inaugurar mais oito pelo Brasil até o final do ano. www.dvino.net.br

Related posts

Leave a Comment